Alertas envios internacionais

Conheça aqui as últimas notícias sobre constrangimentos no serviço de envios internacionais.

Por motivo de força maior de contenção do COVID-19, vários Operadores Postais estão a tomar medidas extraordinárias de redução de contacto humano, com redução dos trabalhadores em todos os serviços. Estas medidas traduzem-se num forte impacto na operação, com previsão de atrasos e redução na qualidade do serviço prestado e a recolha de assinatura no Correio Registado e Encomendas nem sempre possível de assegurar.

Verificou-se também uma redução abrupta do serviços de transporte aéreo, implicando a descontinuidade de linhas aéreas, pelo que apenas alguns destinos se manterão em operação, ainda que com limitações.

Abaixo pode ser consultada a lista dos destinos que são assegurados, mesmo com atrasos e impossibilidade de cumprimento quer dos padrões, quer dos procedimentos previstos.

  

Atualizado a: 27/05/2020

Países com encaminhamento de Correio e Encomendas na Europa

Albânia
Alemanha Sem recolha de assinatura
Andorra
Áustria Sem recolha de assinatura
Bélgica Sem recolha de assinatura
Bielorrússia
Bósnia e Herzegóvina
Bulgária
Chipre Sem recolha de assinatura
Croácia Sem recolha de assinatura
Dinamarca Sem recolha de assinatura
Eslováquia Sem recolha de assinatura
Eslovénia Sem recolha de assinatura
Espanha
Estónia Sem recolha de assinatura
Finlândia
França Sem recolha de assinatura
Gibraltar
Grécia
Países Baixos Sem recolha de assinatura
Hungria
Irlanda Sem recolha de assinatura
Islândia Sem recolha de assinatura
Itália Sem recolha de assinatura
Kosovo
Letónia
Liechtenstein Sem recolha de assinatura
Lituânia Sem recolha de assinatura
Luxemburgo Sem recolha de assinatura
Macedônia
Malta Sem recolha de assinatura
Moldávia
Monaco
Montenegro
Noruega
Polónia Sem recolha de assinatura
Reino Unido Sem recolha de assinatura
República Checa Sem recolha de assinatura
Roménia
Federação Russa
Sérvia
Suécia Sem recolha de assinatura
Suíça Sem recolha de assinatura
Turquia
Ucrânia Sem recolha de assinatura
Vaticano

   

Países com encaminhamento de Correio e Encomendas no Resto do Mundo

África do Sul
Angola
Arábia Saudita
Argentina Sem recolha de assinatura
Austrália Sem recolha de assinatura
Brasil Sem recolha de assinatura
Cabo Verde
Canadá Sem recolha de assinatura
Cazaquistão
China
Colômbia Sem recolha de assinatura
Congo-Kinshasa
Coreia do Sul Sem recolha de assinatura
Costa Rica
Egipto
Emirados Árabes Unidos
Estados Unidos Sem recolha de assinatura
Etiópia
Filipinas
Gabão
Gana
Geórgia Sem recolha de assinatura
Guiné Bissau
Hong Kong (CN) Sem recolha de assinatura
Índia
Indonésia Sem recolha de assinatura
Israel Sem recolha de assinatura
Japão
Macau
Malásia Sem recolha de assinatura
Marrocos Sem recolha de assinatura
México
Moçambique
Namíbia
Nigéria
Panamá
Paquistão
Quénia
São Tomé e Príncipe
Senegal
Singapura Sem recolha de assinatura
Tailândia Sem recolha de assinatura
Taiwan
Tanzânia
Togo
Uruguai
Vietname
Zimbabué



02/04/2020 - Itália
O Operador Postal da Itália informa que, por motivo de força maior e na sequência da medidas de contenção do corona vírus, só poderão ser aceites objetos com menos de 25kg e com as seguintes dimensões máximas: largura máxima de 120 cm e um máximo de 150 cm no somatório das três dimensões (largura, comprimento e espessura).

01/04/2020 - França 
O Operador Postal Francês informa que, por motivo de força maior e na sequência da medidas de contenção do corona vírus, só poderão ser aceites objetos com menos de 15kg e com as dimensões máximas de 32cmx24cmx24cm.

18/10/2019 - Brasil
A Administração Postal do Brasil informa que as importações de mercadorias para este país obrigam à indicação número de identificação fiscal do importador, que poderá ser indicado no CN23 “Referência do importador”.

No Brasil, o número de identificação fiscal é designado por CPF (formato:000.000.000-00) para as pessoas singulares e por CNPJ (formato: 00.000.000/0000-00) para as pessoas coletivas.

20/11/2018 - Brasil
Os Correios do Brasil introduziram uma taxa de apresentação para todos os objetos postais apresentados à alfândega. Esta taxa tem um valor atual de 15 BRL (à taxa de câmbio de 20/11/2018, aproximadamente 3,50 €). Os objetos para os quais a taxa não for devidamente paga serão devolvidos à origem.