João Eduardo Moura da Silva Freixa

Membro Não Executivo do Conselho de Administração dos CTT - Correios de Portugal, S.A. (CTT) (Independente)

Data de nascimento e nacionalidade 24 de junho de 1956, nascido em Portugal
Data da 1ª designação nos CTT 29 de abril de 2020
Mandato 2020 / 2022

Formação académica

  • 1981: MBA, Faculdade de Economia, Universidade Nova de Lisboa
  • 1978: Licenciatura em Organização e Gestão de Empresas, Instituto Superior de Economia (ISE), Universidade de Lisboa

Cargos internos de administração e fiscalização

  • 2020 - …: Membro não executivo do Conselho de Administração dos CTT

Outros cargos internos

---

Experiência profissional

Iniciou a sua carreira, ainda como estudante, como Monitor no ISE e, após a licenciatura, como Assistente Estagiário e Assistente Convidado, posição que manteve até 1986. Entre 1978 e 1979 foi Auditor na Price Waterhouse e entre 1979 e 1985 foi Diretor Financeiro de um grupo industrial português.

Possui uma vasta experiência profissional de 40 anos, de entre os quais mais de 20 anos em cargos de gestãosobretudo no setor financeiro, tendo integrado, como membro executivo e como membro não executivo, vários Conselhos de Administração em empresas a operar em Portugal e no estrangeiro, destacando-se os mais de 17 anos da sua vida profissional no Grupo Barclays em que assumiu vários cargos de Direção, incluindo o de Diretor-Geral e “CEO Portugal”Presidente do Conselho de Administração e CEO da Euronext Lisbon e Administrador das Bolsas de Paris, Amesterdão e Bruxelas e, ainda, da holding Euronext NVbem como os cargos nos Conselhos de Administração da Caixa Geral de Depósitos, do Banco de Investimento (Caixa BI), da EDP - Energias de Portugal, do Banco Espírito Santo, da Unicre, da SIBS e do Novo Banco.

Atualmente tem vindo a exercer funções como Consultor em processos de reestruturação de empresas.

Cargos de administração e fiscalização em outras empresas (últimos 5 anos)

  • 2015 - …: Sócio-Gerente da F2NG, Consultores de Gestão, Unipessoal, Lda.

Outros cargos externos (últimos 5 anos)

---