Comunicação Publicitária Sustentável

Programa Correio Publicitário Sustentável

O programa de Correio Publicitário Sustentável traduz um conjunto de medidas que visam a utilização do canal Marketing Direto de forma ecológica (ECO), através de incentivos às boas práticas que tornam as mensagens mais amigas do ambiente.

O programa pretende premiar os anunciantes que manifestam a sua preocupação com o Ambiente e que espelham esta atitude nas campanhas mediante o cumprimento de regras a considerar na fase de conceção/produção do mailing. Os benefícios da atribuição do Mérito Ecológico consistem em:

  • Usufruir de um tarifário específico, disponível nos serviços de Marketing Direto: Direct Mail Eco, Geocontacto Eco e Correio Não Endereçado Eco;
  • Imprimir o Símbolo de Mérito Ecológico com a Certificação CTT, como comprovativo desta atitude, nas peças da campanha.

Vantagens

  • A empresa está a contribuir para esta causa Ambiente, que é de todos nós;
  • Utilização dos serviços de Marketing Direto com preços mais vantajosos, contribuindo para a redução os custos da campanha e compensando o acréscimo de custos associado à utilização de materiais ecológicos;
  • Os consumidores reconhecem a atitude e valor que a Marca e/ou Empresa toma face à proteção do Ambiente.

Condições

A atribuição de condições especiais de Mérito Ecológico e Tarifário Eco a uma campanha publicitária está inerente ao cumprimento dos vários critérios do programa, sendo necessário que a campanha apresente uma valorização acima dos 45 pontos (num máximo de 100 pontos).

Os critérios apresentam diferentes ponderações em função dos produtos utilizados, que podem ser o Direct Mail, Geocontacto ou Correio Não Endereçado.

  • Avaliação do Mérito Ecológico
A. Gestão de Bases de Dados (BD) A1. Utilização de BD externa: Aluguer ou aquisição de base de dados de qualidade (B2C/B2B);
A2. Ultilização de BD Própria: Utilização de serviços que visam a qualidade dos dados: Atualização de códigos postais/ Normalização de endereços/ Validação de Pontos de Distribuição/ Desduplicação de entidades e/ou indivíduos e moradas;
A3. Segmentação dos contactos: Utilização dos serviços de Geocontacto Plus ou Geomarketing dos CTT (ou similar).
 B. Normativos Ambientais B1. Certificação ISO 14001 ou EMAS (aplicável às entidades que asseguram a produção gráfica);
B2. Certificação FSC e/ou PEFC (aplicável a pelo menos um operador da cadeia de fornecimento).
 C. Recursos Sustentáveis C1. Utilização de papel virgem proveniente de florestas sustentáveis (certificações FSC ou PEFC);
C2. Uso de tintas ambientais;
C3. Utilização de papel 30% reciclado.
 D. Reciclabilidade D1. Utilização de materiais não compósitos ou compósitos com materia orgânica (remetíveis para a mesma fileira de resíduos; exemplo: exclui papel de bolhas);
D2. Colocação de rótulo com indicação da fileira de resíduo onde se insere a embalagem.

Como aderir

  • Preenchimento do formulário específico onde são indicados os critérios a submeter. O pedido deve ser feito por campanha/expedição.
  • Entrega dos certificados comprovativos correspondentes aos critérios assinalados no formulário.
  • A adesão fica sujeita a aprovação, que depende do somatório das pontuações correspondentes aos critérios cumpridos;

Símbolo de Mérito Ecológico

Existem diferentes possibilidades de impressão que permitem a seleção da versão que melhor se aplica à peça de comunicação.

Símbolo na versão oficial horizontal:

A impressão deve ser feita no exterior do envelope/folheto. Sendo um envelope standard, sugere-se o posicionamento na zona abaixo do remetente.