CTT vencem categoria nos Prémios Human Resources

14 de maio, 2019

Os CTT foram vencedores na categoria “Diversidade e Inclusão” nos prémios Human Resources Portugal 2019.  Esta categoria reconhece as boas práticas de diversidade e inclusão laboral. A cerimónia de entrega de prémios realizou-se dia 9 de maio, n’O Clube, em Monsanto, Lisboa.

Os Prémios Human Resources são uma iniciativa da revista Human Resources Portugal, uma multipublicação de referência nas áreas de Recursos Humanos, Marketing e Comunicação, que distinguem as empresas em Portugal com melhor desempenho em diversas áreas relacionadas com a Gestão de Pessoas.

Para Miguel Salema Garção, Diretor de Marca, Comunicação e Sustentabilidade dos CTT: “É com bastante orgulho que vemos os CTT serem reconhecidos com os prémios Human Resources. Os CTT no âmbito da sua política de responsabilidade social levam a cabo diversas práticas que promovem a “Diversidade e Inclusão” – é por isso com enorme alegria que somos reconhecidos nesta categoria, pelo público da revista, prova do esforço e trabalhado de excelência levado a cabo por todo os colaboradores do Universo CTT.”

Os CTT promovem valores e práticas de acordo com os princípios orientadores do compromisso de gestão dos CTT (Missão, Visão e Valores, Código de Conduta, Política integrada da Qualidade, do Ambiente e da Segurança e Saúde no Trabalho e disposições no Acordo de Empresa orientadas para a promoção da igualdade de oportunidades, etc.). De acordo com o Relatório Consolidado de 2018, os CTT mantiveram o protocolo com a CERCI Lisboa – Cooperativa de Educação e Reabilitação de Cidadãos Inadaptados, que proporciona experiências de integração laboral a jovens com deficiência, no âmbito do qual foram abrangidos 13 jovens adultos. Promovem ainda diversas ações em matéria de políticas de recursos humanos orientadas para a promoção da igualdade.

A escolha dos nomeados em cada categoria foi realizada pelo painel de Conselheiros e pela equipa editorial da revista, com base em estudos publicados nos últimos dois anos sobre clima, satisfação, reputação, liderança, sustentabilidade e responsabilidade social, entres outros. A eleição dos vencedores ficou depois a cargo do público, que votou online nos seus preferidos. Mais de 25 mil pessoas participaram nesta votação.