CTT homenageiam o 8º centenário da Ordem dos Dominicanos em selos

6 de janeiro, 2017

No próximo dia 9 de janeiro, os CTT homenageiam com uma emissão filatélica os 800 anos da fundação da Ordem dos Dominicanos, iniciada no século XIII no sul de França pelo seu fundador São Domingos de Gusmão.

Esta emissão é composta por um selo onde está representado S. Domingos de Gusmão, num pormenor do quadro “Escárnio de Cristo” de Fra Angelico de 1440; no bloco filatélico é representada a Bula original da aprovação da Ordem pelo Papa Honório III, em 22 de dezembro de 1216.

A Ordem dos Pregadores, como é oficialmente chamada, foi então confirmada pela Santa Fé em 1216, enquadrando-se no renovamento da Igreja através das Ordens Mendicantes e é o reflexo da urbanização europeia do século XII. Rapidamente se tornou num órgão de envangelização por toda a Europa.

O ponto de vista dos Dominicanos baseia-se na pregação, estudo e fundação de conventos. São sobretudo pregadores estudiosos como foi o caso de São Tomás de Aquino que se destacou intelectualmente. Durante a sua existência, os Dominicanos passaram por uma decadência, no entanto, hoje em dia, continuam a seguir o exemplo do seu fundador, atualizando-o nos lugares onde estão ao serviço de Deus e dos homens.

Esta emissão é composta por um selo com o valor facial de 1,00€ e uma tiragem de 115 000 exemplares e por um bloco com o valor de 2,00€ e uma tiragem de 40 000 exemplares. O selo tem um formato de 30,6 X 40 mm e o bloco 125 X 95 mm. O design esteve a cargo de B2 Design. As obliterações de primeiro dia serão feitas nas Lojas CTT dos Restauradores em Lisboa, Munícipio no Porto, Zarco no Funchal, e Antero de Quental  em Ponta Delgada.